Pais de alunos estão revoltados com a diretora do Colégio Estadual Attilio Codato em Cambé, na região metropolitana de Londrina.

Segundo informações e denuncias feitos por alunos e pais dão conta que câmeras de segurança foram instaladas dentro de banheiros tanto masculino quanto feminino do colégio.

Segundo os alunos os banheiros são utilizado também como vestiários e agora essas crianças temem que possíveis imagens delas nuas trocando de roupa possam vazar na internet, e se perguntam quais professores tiveram acessos as imagens intimas deles.

Uma denuncia foi feita no núcleo de educação de Londrina.

“Art. 240. Produzir, reproduzir, dirigir, fotografar, filmar ou registrar, por qualquer meio, cena de sexo explícito ou pornográfica, envolvendo criança ou adolescente:

Pena – reclusão, de 4 (quatro) a 8 (oito) anos, e multa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui