Concha Acústica recebe ação para o combate à intolerância religiosa

Líderes de diversas religiões vão se reunir para debater o respeito, a paz e a garantia do livre exercício das crenças religiosas; atividade marca o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa

0
373

Para chamar a atenção da população acerca da intolerância religiosa e suas consequências, o Município de Londrina vai promover no sábado, dia 21 de janeiro, das 8h às 10h, o oitavo encontro Londrina Religiões Unidas pela Paz e em Prol da Tolerância Religiosa. Programada para ser realizada na Concha Acústica (Rua Piauí, 130, Centro), a ação pretende marcar o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, proposto pela Secretaria Especial de Políticas de Promoção de Igualdade Racial, do Ministério da Justiça e Cidadania.

Em Londrina, o evento é organizado pelo Conselho Municipal de Cultura de Paz (Compaz) e pelo Grupo de Diálogo Inter-Religioso de Londrina (GDI) há oito anos, reunindo 17 religiões distintas, como a Católica, Evangélica, Islâmica, a Fé Baha´i, Seicho-no-iê, Candomblé e outras. 

Segundo o secretário do Compaz e gestor do Londrina Pazeando, Luís Cláudio Galhardi, toda a comunidade está convidada para participar do evento, que abordará o convívio pacífico entre as diferentes religiões. Para isso, cada líder religioso terá cinco minutos para falar sobre o respeito à crença religiosa, o direito constitucional de liberdade de religião, o combate à intolerância e ao fanatismo, a proteção estatal à garantia do livre exercício de todas as religiões e como cada uma faz para combater a intolerância. “Quanto mais falamos sobre o assunto, mais vamos quebrando os preconceitos. Conversar sobre as religiões não faz as pessoas deixarem de terem suas crenças, mas ajuda a combater a intolerância e outros preconceitos que vêm junto com ela, como é o caso do viés do racismo que está ligado às religiões de matriz africana”, disse Galhardi.

A cada dois meses, os integrantes de 17 religiões diferentes se encontram em seus templos e igrejas para debater o assunto e mostrar as ações realizadas por seus integrantes. O último encontro aconteceu em dezembro e a gravação está disponível na internet (clique aqui). Os líderes religiosos que não integram o GDI, mas que quiserem participar do encontro, podem entrar em contato com um dos organizadores do evento, Luís Cláudio Galhardi, pelo (43) 99996-1283. Caso chova no sábado, o encontro será transferido para o sábado seguinte (28).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui